Receitas mais recentes

Os melhores Cheesesteaks da Filadélfia Parte 5: John’s Roast Pork

Os melhores Cheesesteaks da Filadélfia Parte 5: John’s Roast Pork


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

John’s serve sanduíches espetaculares desde 1930

Os rolos são entregues frescos da vizinha Carangi Baking Company todas as manhãs.

Esta é a parte cinco de uma série de dez descobrindo o melhor bifes de queijo em Filadélfia. Fique ligado para a classificação completa e confira partes um, dois, três, e quatro.

Desde 1930, a esquina das avenidas Weccacoe e Snyder tem sido o lar do porco assado John’s, uma instituição da Filadélfia do Sul, se é que alguma vez existiu. Seus sanduíches de porco assado - feitos com uma velha receita de família e assados ​​na casa diariamente - são lendários. Mas seu cheesesteak é tão bom quanto o porco assado.

O cheesesteak de John trabalhou em relativa obscuridade até 2002, quando o crítico de restaurantes do Philadelphia Inquirer, Craig LaBan, o considerou o melhor da cidade. E isso é essencialmente um cheesesteak perfeito. Ele começa com um pãozinho com sementes macio e crocante entregue fresco da vizinha Carangi Baking Company todas as manhãs, que tem parte de seu interior retirado antes de ser carregado com 12 onças de cauda de lombo em fatias finas (que tem menos cartilagem do que o olho de lombo normal ) A carne é grelhada na hora em cima de cebolas espanholas em cubos e pode dourar de um lado antes de ser virada e separada, mas não picada. Cinco fatias de queijo americano são então adicionadas (provolone forte e suave também estão disponíveis) e dobradas enquanto o sanduíche de queijo continua a cozinhar; assim, cada mordida no sanduíche é carregada com carne, cebola e queijo. Pimentas quentes italianas fritas e ketchup são opcionais, mas certamente não prejudicam a perfeição deste cheesesteak.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, por exemplo, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão frequente de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais da minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores cheesesteaks da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos, um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas em vez disso tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém em nenhum lugar usa editores?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho de semente de papoula Kaiser, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra Donkey & # 8217s Place. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter sido parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma pequena celebridade lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

Em última análise, o artigo supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não mordem.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não irão direcioná-lo para o lado errado.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, digamos, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais da minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores cheesesteaks da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém usa editores em lugar nenhum?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho de semente de papoula Kaiser, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra Donkey & # 8217s Place. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter sido parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma pequena celebridade lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

Em última análise, o artigo supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não mordem.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não irão direcioná-lo para o lado errado.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, digamos, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais da minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores bifes de queijo da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos, um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas em vez disso tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém em nenhum lugar usa editores?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho de semente de papoula Kaiser, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra de lugar Donkey & # 8217s. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter feito parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma pequena celebridade lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

O artigo, em última análise, supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não vão morder.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não vão te direcionar para o mal.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, digamos, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais de minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores cheesesteaks da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas em vez disso tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém em nenhum lugar usa editores?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho Kaiser de semente de papoula, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra Donkey & # 8217s Place. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter feito parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma celebridade menor lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

O artigo, em última análise, supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não mordem.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não irão direcioná-lo para o lado errado.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, digamos, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais da minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores bifes de queijo da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas em vez disso tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém em nenhum lugar usa editores?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho Kaiser de semente de papoula, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra Donkey & # 8217s Place. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter sido parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma pequena celebridade lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

O artigo, em última análise, supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não vão morder.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não vão te direcionar para o mal.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, digamos, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais da minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores cheesesteaks da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos, um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Aparentemente, o escritor (a) nunca foi lá, mas tirou uma foto da internet e não percebeu a diferença (ninguém usa editores em lugar nenhum?) Ou (b) entrou e tomou a sábia decisão de pedir um assado sanduíche de porco em vez de cheesesteak, apenas para ver que usavam espinafre em vez de rabe de brócolis. Espinafre está bem, mas sempre vá com rabe de porco e brócolis.

Da mesma forma, o terceiro lugar listado, Donkey & # 8217s Place, mostra um parmesão. Não está claro se é uma berinjela ou vitela ou parmesão de frango, mas é algum tipo de parmesão, e um parmesão nunca poderia & # 8212 nunca & # 8212 ser confundido com um bife de queijo mais do que você poderia confundir um Corveta para um Buick Skylark. O autor pegou no fato de que o pão, um pãozinho de semente de papoula Kaiser, não é um pão de cheesesteak tradicional, mas esqueceu o fato de que não era um cheesesteak.

Esse erro, como a confusão de porco assado, pode resultar do foco excessivo nas garrafas atrás da barra de lugar Donkey & # 8217s. A foto de Galt and Co. está totalmente focada atrás do bar. Você pode ver a borda de algo que pode ser ou ter feito parte de um cheesesteak, mas essa parte da foto está fora de foco. Uma indulgência excessiva em espíritos fortes explica os erros?

Acho que não, como Rene e # 8217 Descartes disseram antes de desaparecer. Veja o artigo sobre Ishkabibble. A primeira razão dada para ir a Ishkabibble é que você pode ver uma celebridade menor lá. Meu coração fica quieto. Em segundo lugar, eles recomendam (prepare-se) que você compre o sanduíche de frango com queijo porque (você pode querer se sentar) não é gorduroso. A graxa não é a razão para comer um cheesesteak?

O artigo, em última análise, supera o tubarão ao recomendar Govinda & # 8217s, em que o sanduíche de frango com queijo é, para o autor, o & # 8220stuff dos sonhos. & # 8221 A parte onírica é que o sanduíche não contém frango. Govinda & # 8217s & # 8220 cheesesteak & # 8221 consiste em uma substância à base de soja, um pouco de pimentão e mussarela ou queijo vegan que, pensando bem, não é queijo.

Bem, todos esses podem ser ótimos sanduíches, mas quatro dos onze não são nem mesmo sanduíches de queijo. Os quatro sanduíches podem ser melhores do que bifes de queijo. Eu sei que eu & # 8217d iria para o porco assado sobre um cheesesteak em um minuto de Nova York, especialmente se tivesse rabe de brócolis e uma vitela ou berinjela ou parmesão de frango soa bem agora, com um pouco de pimenta vermelha esmagada e & # 8230 Mas Eu divago. O artigo deveria ser sobre bifes de queijo, mas não é.

Se você estiver visitando a Filadélfia e quiser um bom cheesesteak, basta perguntar a um policial ou bombeiro. (Vá para a estação. Eles não mordem.) Eles têm excelentes redes de comunicação, especialmente sobre lanchonetes, e não irão direcioná-lo para o mal.


Não confio nas listas & # 8220Best & # 8221. Freqüentemente, e quase sempre no caso das melhores listas de churrasco, eles comparam maçãs e laranjas & # 8212, por exemplo, carne de porco e peito. Os dois alimentos são completamente diferentes. E, novamente com as listas de churrasco, muitas vezes incluem lugares que, na verdade, não vendem churrasco. A inclusão não rara de lugares que fecharam ainda mais prejudica a credibilidade.

Pense em como uma & # 8220lista das melhores & # 8221 se desenvolve. Nas raras ocasiões em que este Blog proclama que algo é o melhor em seu tipo, é após uma extensa pesquisa seguida por comparações contemporâneas detalhadas. Veja aqui e aqui as etapas finais de minha pesquisa que levaram à seleção do Bum & # 8217s como o churrasco ao estilo Best Eastern North Carolina. Ou veja apenas uma fase da minha pesquisa exaustiva e satisfatória identificando Capitains & # 8217 Kitchen como tendo o melhor hambúrguer de camarão:

Se todos fossem tão rigorosos. Considere um artigo recente da Conde Nast identificando os 11 melhores cheesesteaks da Filadélfia.

Você acha que alguém da Conde Nast, digamos, um residente da Filadélfia ao longo da vida, dedicou semanas ou meses comendo bifes de queijo, estreitando progressivamente o campo? Ou talvez que Anna Wintour tenha enviado sua equipe para vasculhar a Filadélfia em busca de ótimos lugares para sanduíches de queijo antes que a própria Sra. Wintour realizasse a depuração final? Talvez um jornalista recém-formado e vegano que recentemente se mudou de Chicago para o Brooklyn tenha olhado várias listas de cheesesteak (Thrillist, Eater, Yelp) e feito um artigo. Apenas um pensamento.

Dê uma olhada nos 11 lugares mencionados no artigo.

O segundo cheesesteak listado mostra uma fotografia de um sanduíche que não é um cheesesteak. É um sanduíche de porco assado. Apparently the writer either (a) never went there, but instead pulled a photo off the internet and could not tell the difference (doesn’t anyone anywhere use editors?), or (b) entered and made the wise decision to order a roast pork sandwich instead of a cheesesteak, only to see that they used spinach instead of broccoli rabe. Spinach is okay, but always go with pork and broccoli rabe.

Similarly, the third place listed, Donkey’s Place, shows a parmesan. It’s not clear whether it’s an eggplant or veal or chicken parmesan, but it’s some sort of parmesan, and a parmesan could never — never — be mistaken for a cheesesteak any more than you could mistake a Corvette for a Buick Skylark. The author did pick up on the fact that the bun, a poppyseed Kaiser roll, is not a traditional cheesesteak bun, but overlooked the fact that it wasn’t a cheesesteak.

That mistake, like the roast pork mixup, could result from the excessive focus on the bottles behind the Donkey’s Place bar. The Galt and Co. photo is entirely focused behind the bar. You can see the edge of something that might be or have been part of a cheesesteak, but that part of the photo is way out of focus. Does an excessive indulgence in strong spirits explain the errors?

I think not, as Rene’ Descartes said just before he disappeared. Look at the Ishkabibble write-up. The first reason given for going to Ishkabibble is that you might see a minor celebrity there. My heart be still. Second, they recommend (brace yourself) that you get the chicken cheesesteak because (you might want to sit down) it’s not greasy. Isn’t grease the whole reason for eating a cheesesteak?

The article ultimately jumps the shark by recommending Govinda’s, where the chicken cheesesteak is, for the author, the “stuff of dreams.” The dream-like part is that the sandwich contains no chicken. Govinda’s “cheesesteak” consists of a soy-based chickenish substance, some bell pepper, and either mozzarella or vegan cheese which, come to think of it, is not cheese at all.

Now all of these may be great sandwiches, but four of the eleven are not even cheesesteaks. The four sandwiches could be better than cheesesteaks. I know I’d go for the roast pork over a cheesesteak in a New York minute, especially if it had broccoli rabe on it and a veal or eggplant or chicken parmesan sounds great right now, with some crushed red pepper and … But I digress. The article is supposed to be about cheesesteaks, but it is not.

If you’re visiting Philadelphia and you want a good cheesesteak, just ask a police officer or a firefighter. (Go on into the station. They won’t bite.) They have excellent communications networks, especially about lunch places, and they won’t steer you wrong.


I don’t trust “Best” lists. Often, and virtually always in the case of best barbecue lists, they compare apples and oranges — say, pork and brisket. The two foods are completely different. And, again with barbecue lists, they often include places that don’t actually sell barbecue. The not infrequent inclusion of places that have closed further saps credibility.

Think about how a “best list” develops. On the rare occasions when this Blog proclaims that something is the best of its kind, it is after extensive research followed by detailed contemporaneous comparisons. See here and here the final stages of my research that led to the selection of Bum’s as the Best Eastern North Carolina style barbecue. Or see just one phase of my exhaustive and filling research identifying Captains’ Kitchen as having the best shrimpburger:

If only everyone were so rigorous. Consider a recent Conde Nast article identifying the 11 best cheesesteaks in Philadelphia.

Do you think someone from Conde Nast, say a lifelong Philadelphia resident, dedicated weeks or months to eating cheesesteaks, progressively narrowing the field? Or perhaps that Anna Wintour sent her staff out to comb Philadelphia for great cheesesteak places before Ms. Wintour herself undertook the final winnowing? Perhaps a freshly minted journalism major and vegan who had recently moved to Brooklyn from Chicago looked at various cheesesteak lists (Thrillist, Eater, Yelp) and whipped up an article. Apenas um pensamento.

Take a look at the 11 places mentioned in the article.

The second cheesesteak listed shows a photograph of a sandwich that isn’t a cheesesteak. It’s a roast pork sandwich. Apparently the writer either (a) never went there, but instead pulled a photo off the internet and could not tell the difference (doesn’t anyone anywhere use editors?), or (b) entered and made the wise decision to order a roast pork sandwich instead of a cheesesteak, only to see that they used spinach instead of broccoli rabe. Spinach is okay, but always go with pork and broccoli rabe.

Similarly, the third place listed, Donkey’s Place, shows a parmesan. It’s not clear whether it’s an eggplant or veal or chicken parmesan, but it’s some sort of parmesan, and a parmesan could never — never — be mistaken for a cheesesteak any more than you could mistake a Corvette for a Buick Skylark. The author did pick up on the fact that the bun, a poppyseed Kaiser roll, is not a traditional cheesesteak bun, but overlooked the fact that it wasn’t a cheesesteak.

That mistake, like the roast pork mixup, could result from the excessive focus on the bottles behind the Donkey’s Place bar. The Galt and Co. photo is entirely focused behind the bar. You can see the edge of something that might be or have been part of a cheesesteak, but that part of the photo is way out of focus. Does an excessive indulgence in strong spirits explain the errors?

I think not, as Rene’ Descartes said just before he disappeared. Look at the Ishkabibble write-up. The first reason given for going to Ishkabibble is that you might see a minor celebrity there. My heart be still. Second, they recommend (brace yourself) that you get the chicken cheesesteak because (you might want to sit down) it’s not greasy. Isn’t grease the whole reason for eating a cheesesteak?

The article ultimately jumps the shark by recommending Govinda’s, where the chicken cheesesteak is, for the author, the “stuff of dreams.” The dream-like part is that the sandwich contains no chicken. Govinda’s “cheesesteak” consists of a soy-based chickenish substance, some bell pepper, and either mozzarella or vegan cheese which, come to think of it, is not cheese at all.

Now all of these may be great sandwiches, but four of the eleven are not even cheesesteaks. The four sandwiches could be better than cheesesteaks. I know I’d go for the roast pork over a cheesesteak in a New York minute, especially if it had broccoli rabe on it and a veal or eggplant or chicken parmesan sounds great right now, with some crushed red pepper and … But I digress. The article is supposed to be about cheesesteaks, but it is not.

If you’re visiting Philadelphia and you want a good cheesesteak, just ask a police officer or a firefighter. (Go on into the station. They won’t bite.) They have excellent communications networks, especially about lunch places, and they won’t steer you wrong.


I don’t trust “Best” lists. Often, and virtually always in the case of best barbecue lists, they compare apples and oranges — say, pork and brisket. The two foods are completely different. And, again with barbecue lists, they often include places that don’t actually sell barbecue. The not infrequent inclusion of places that have closed further saps credibility.

Think about how a “best list” develops. On the rare occasions when this Blog proclaims that something is the best of its kind, it is after extensive research followed by detailed contemporaneous comparisons. See here and here the final stages of my research that led to the selection of Bum’s as the Best Eastern North Carolina style barbecue. Or see just one phase of my exhaustive and filling research identifying Captains’ Kitchen as having the best shrimpburger:

If only everyone were so rigorous. Consider a recent Conde Nast article identifying the 11 best cheesesteaks in Philadelphia.

Do you think someone from Conde Nast, say a lifelong Philadelphia resident, dedicated weeks or months to eating cheesesteaks, progressively narrowing the field? Or perhaps that Anna Wintour sent her staff out to comb Philadelphia for great cheesesteak places before Ms. Wintour herself undertook the final winnowing? Perhaps a freshly minted journalism major and vegan who had recently moved to Brooklyn from Chicago looked at various cheesesteak lists (Thrillist, Eater, Yelp) and whipped up an article. Apenas um pensamento.

Take a look at the 11 places mentioned in the article.

The second cheesesteak listed shows a photograph of a sandwich that isn’t a cheesesteak. It’s a roast pork sandwich. Apparently the writer either (a) never went there, but instead pulled a photo off the internet and could not tell the difference (doesn’t anyone anywhere use editors?), or (b) entered and made the wise decision to order a roast pork sandwich instead of a cheesesteak, only to see that they used spinach instead of broccoli rabe. Spinach is okay, but always go with pork and broccoli rabe.

Similarly, the third place listed, Donkey’s Place, shows a parmesan. It’s not clear whether it’s an eggplant or veal or chicken parmesan, but it’s some sort of parmesan, and a parmesan could never — never — be mistaken for a cheesesteak any more than you could mistake a Corvette for a Buick Skylark. The author did pick up on the fact that the bun, a poppyseed Kaiser roll, is not a traditional cheesesteak bun, but overlooked the fact that it wasn’t a cheesesteak.

That mistake, like the roast pork mixup, could result from the excessive focus on the bottles behind the Donkey’s Place bar. The Galt and Co. photo is entirely focused behind the bar. You can see the edge of something that might be or have been part of a cheesesteak, but that part of the photo is way out of focus. Does an excessive indulgence in strong spirits explain the errors?

I think not, as Rene’ Descartes said just before he disappeared. Look at the Ishkabibble write-up. The first reason given for going to Ishkabibble is that you might see a minor celebrity there. My heart be still. Second, they recommend (brace yourself) that you get the chicken cheesesteak because (you might want to sit down) it’s not greasy. Isn’t grease the whole reason for eating a cheesesteak?

The article ultimately jumps the shark by recommending Govinda’s, where the chicken cheesesteak is, for the author, the “stuff of dreams.” The dream-like part is that the sandwich contains no chicken. Govinda’s “cheesesteak” consists of a soy-based chickenish substance, some bell pepper, and either mozzarella or vegan cheese which, come to think of it, is not cheese at all.

Now all of these may be great sandwiches, but four of the eleven are not even cheesesteaks. The four sandwiches could be better than cheesesteaks. I know I’d go for the roast pork over a cheesesteak in a New York minute, especially if it had broccoli rabe on it and a veal or eggplant or chicken parmesan sounds great right now, with some crushed red pepper and … But I digress. The article is supposed to be about cheesesteaks, but it is not.

If you’re visiting Philadelphia and you want a good cheesesteak, just ask a police officer or a firefighter. (Go on into the station. They won’t bite.) They have excellent communications networks, especially about lunch places, and they won’t steer you wrong.


I don’t trust “Best” lists. Often, and virtually always in the case of best barbecue lists, they compare apples and oranges — say, pork and brisket. The two foods are completely different. And, again with barbecue lists, they often include places that don’t actually sell barbecue. The not infrequent inclusion of places that have closed further saps credibility.

Think about how a “best list” develops. On the rare occasions when this Blog proclaims that something is the best of its kind, it is after extensive research followed by detailed contemporaneous comparisons. See here and here the final stages of my research that led to the selection of Bum’s as the Best Eastern North Carolina style barbecue. Or see just one phase of my exhaustive and filling research identifying Captains’ Kitchen as having the best shrimpburger:

If only everyone were so rigorous. Consider a recent Conde Nast article identifying the 11 best cheesesteaks in Philadelphia.

Do you think someone from Conde Nast, say a lifelong Philadelphia resident, dedicated weeks or months to eating cheesesteaks, progressively narrowing the field? Or perhaps that Anna Wintour sent her staff out to comb Philadelphia for great cheesesteak places before Ms. Wintour herself undertook the final winnowing? Perhaps a freshly minted journalism major and vegan who had recently moved to Brooklyn from Chicago looked at various cheesesteak lists (Thrillist, Eater, Yelp) and whipped up an article. Apenas um pensamento.

Take a look at the 11 places mentioned in the article.

The second cheesesteak listed shows a photograph of a sandwich that isn’t a cheesesteak. It’s a roast pork sandwich. Apparently the writer either (a) never went there, but instead pulled a photo off the internet and could not tell the difference (doesn’t anyone anywhere use editors?), or (b) entered and made the wise decision to order a roast pork sandwich instead of a cheesesteak, only to see that they used spinach instead of broccoli rabe. Spinach is okay, but always go with pork and broccoli rabe.

Similarly, the third place listed, Donkey’s Place, shows a parmesan. It’s not clear whether it’s an eggplant or veal or chicken parmesan, but it’s some sort of parmesan, and a parmesan could never — never — be mistaken for a cheesesteak any more than you could mistake a Corvette for a Buick Skylark. The author did pick up on the fact that the bun, a poppyseed Kaiser roll, is not a traditional cheesesteak bun, but overlooked the fact that it wasn’t a cheesesteak.

That mistake, like the roast pork mixup, could result from the excessive focus on the bottles behind the Donkey’s Place bar. The Galt and Co. photo is entirely focused behind the bar. You can see the edge of something that might be or have been part of a cheesesteak, but that part of the photo is way out of focus. Does an excessive indulgence in strong spirits explain the errors?

I think not, as Rene’ Descartes said just before he disappeared. Look at the Ishkabibble write-up. The first reason given for going to Ishkabibble is that you might see a minor celebrity there. My heart be still. Second, they recommend (brace yourself) that you get the chicken cheesesteak because (you might want to sit down) it’s not greasy. Isn’t grease the whole reason for eating a cheesesteak?

The article ultimately jumps the shark by recommending Govinda’s, where the chicken cheesesteak is, for the author, the “stuff of dreams.” The dream-like part is that the sandwich contains no chicken. Govinda’s “cheesesteak” consists of a soy-based chickenish substance, some bell pepper, and either mozzarella or vegan cheese which, come to think of it, is not cheese at all.

Now all of these may be great sandwiches, but four of the eleven are not even cheesesteaks. The four sandwiches could be better than cheesesteaks. I know I’d go for the roast pork over a cheesesteak in a New York minute, especially if it had broccoli rabe on it and a veal or eggplant or chicken parmesan sounds great right now, with some crushed red pepper and … But I digress. The article is supposed to be about cheesesteaks, but it is not.

If you’re visiting Philadelphia and you want a good cheesesteak, just ask a police officer or a firefighter. (Go on into the station. They won’t bite.) They have excellent communications networks, especially about lunch places, and they won’t steer you wrong.


Assista o vídeo: Jims South Street Makes The Quintessential Philly Cheesesteak. Legendary Eats (Julho 2022).


Comentários:

  1. Sacripant

    Agradeço sinceramente sua ajuda.

  2. Hawley

    Eu posso recomendar que você visite o site com um grande número de artigos sobre o tema de seu interesse.

  3. R?

    Em vez disso, a informação útil

  4. Mahdi

    Este tópico é simplesmente incomparável :), é muito interessante para mim)))

  5. Jerrick

    Você está cometendo um erro. Vamos discutir isso. Envie -me um email para PM, vamos conversar.

  6. Korbin

    Vou rasgar todos que estão contra nós!



Escreve uma mensagem